Vale a pena se registrar como MEI sendo motorista de aplicativo?

O MEI é uma das categorias de serviço que mais crescem atualmente. Por isso, não é difícil associar com um dos serviços que mais recebem novos funcionários: o de motorista de aplicativo. Mas será que é realmente vantajosa para esse trabalhador se oficializar como MEI?

O que é o MEI?

A sigla MEI se refere ao Micro Empreender Individual, uma categoria de serviços independentes que permite a flexibilidade para o trabalhador mas garante alguns direitos específicos.

Para tanto, o rendimento anual desse trabalhador deve ser de, no máximo, R$81 mil. Assim, o mesmo pode se oficializar e passar a ter acesso aos direitos trabalhistas disponíveis para a sua categoria.

Muitos trabalhadores já se formalizaram como MEI e considerando as vantagens, os motoristas de aplicativo têm considerado a opção. Mas será que vale a pena para a categoria de serviço? Veja a seguir as principais vantagens e desvantagens.

Quais as vantagens para o motorista?

Bem, para quem já possui um dos carros permitidos pela Uber, ou seja, não precisará comprar um veículo novo ou alugar um veículo, a vantagem é estar assegurado pelos trabalhistas oferecidos. Um desses direitos é o acesso a aposentadoria, o benefício mais importante para o brasileiro.

Em caso de doença ou morte, o beneficiário tem acesso ao auxílio-doença e a pensão por morte para os parentes próximos. Além disso, o motorista que se oficializa como MEI também passa a ter direito a contratar um funcionário, caso queira expandir as possibilidades do negócio.

Como Micro Empreendedor Individual, o motorista formalizado também possui dispensa de contador para o seu negócio, assim como a regalia de atuar como pessoa jurídica. Caso tenha dúvidas com o regulamento da empresa, entre em contato através do telefone da Uber.

Quais as desvantagens para o motorista?

Vale a pena mencionar que o MEI também apresenta algumas desvantagens para o motorista e por isso, o que irá definir se é vantajoso ou não se formalizar na categoria, é o objetivo e a atuação do mesmo.

Um das maiores desvantagens para quem trabalha com um serviço que proporciona um rendimento variado é a taxa fixa de contribuição. Isto quer dizer que, mesmo quando o rendimento mensal do motorista estiver abaixo da média, ele terá de cumprir com a taxa do MEI.

Quem deseja expandir o seu negócio e agenciar outras pessoas também terá dificuldade com o MEI, já que este limita a possibilidade de contratação de funcionários e criação de vínculo.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *